GineHistória

O Cantinho da História

O Gótico em Portugal 6 de Abril de 2009

Filed under: Uncategorized — filipa92 @ 18:32

Em Portugal o estilo Gótico aparece no final do século XII com a construção do Mosteiro de Alcobaça em 1178. Este mosteiro foi mandado construir por D. Afonso Henriques e é a primeira obra totalmente gótica a surgir em Portugal. A expansão da arquitectura gótica em Portugal deveu muito às ordens religiosas mendicantes (franciscanos, dominicanos, carmelitas, agostinhos), que construíram vários mosteiros em cidades portuguesas nos séculos XIII e XIV.


Podemos dizer que o estilo gótico tem uma representação mais marcada no Mosteiro da Batalha que foi mandado construir por D. João I para comemorar a vitória na batalha de Aljubarrota. Também a Igreja da Graça, localizada no Largo Pedro Álvares Cabral (também conhecido como Largo da Graça), em pleno centro histórico da cidade de Santarém é uma boa representante de uma arquitectura gótica.


 




Foto tirada por Daniela Pestana

Igreja da Graça – Santarém (Foto tirada por Filipa Henriques)

O Mosteiro dos Jerónimos é outro importante monumento representativo da arte gótico-manuelina. Encomendado pelo rei D. Manuel I, pouco depois de Vasco da Gama ter regressado da sua viagem à Índia, foi financiado em grande parte pelos lucros do comércio de especiarias. Escolhido o local, junto ao rio em Santa Maria de Belém, em 1502 é iniciada a obra com vários arquitectos e construtores, entre eles Diogo Boitaca (plano inicial e parte da execução) e João de Castilho (abóbadas das naves e do transepto – esta com uma rede de nervuras em forma de estrela -, pilares, porta sul, sacristia e fachada) que substitui o primeiro em 1516/17. No reinado de D. João III foi acrescentado o coro alto.


Aqui encontramos os túmulos dos reis D. Manuel I e sua mulher, D. Maria, D. João III e sua mulher D. Catarina, D. Sebastião e D. Henrique e ainda os de Vasco da Gama, de Luís Vaz de Camões, de Alexandre Herculano e de Fernando Pessoa. Todos eles extremamente detalhados e com imagens muito detalhadas.A escultura gótica tem a sua génese no nosso país quando Portugal se vira para a Europa, conseguida a dimensão definitiva do território, em tempos de D. Afonso III. Nos templos paroquiais, nos dos cenóbios, nos oratórios de senhores laicos e eclesiásticos de todas as partes do Reino, viam-se imagens de santos saídas das mãos dos escultores. A partir de meados do século XIII, a cidade e os seus artistas começaram também a representar túmulos. Os túmulos eram a forma mais representativa do gótico, eram altamente decorados e com bastantes detalhes nas figuras que neles estão inseridas.


 




Autoria da foto: Daniela Pestana

Fonte das Figueiras – Santarém (Autoria da foto: Daniela Pestana)